Skip to content
27 de abril de 2011 / rafaelti

Arduíno

Em uma das minhas procura por um nicho de mercado não explorado e ao mesmo tempo com inovação eu encontrei o Arduíno[site]. Pessoas como eu que é formado em eletrônica ou que tem interesse na hora sabe a dificuldade de construir um ciircuito. E caso adote um projeto de um terceiro pode acontecer de ficar na mão desta e se algum momento ocorrer um problema
poderá não ter ajuda a tempo. O Arduíno foi iniciado Ivrea, Itália, em 2005 com a premissa de placa de circuito aberto e com contribuição de todo mundo isto se ocorrer algum erro qualquer um poderá-lhe ajudar.

Hardware

O cérebro do projeto Arduíno é o microcontrolador de 8 bit Atmel e cada modelo de placa vem com microcontrolador.

Arduino

Processador

Flash

KiB

EEPROM

KiB

SRAM

KiB

Pino digital I/O

…com

PWM

Pino entrada analogico

Diecimila

ATmega168

16

0.5

1

14

6

6

Duemilanove

ATmega168/328P

16/32

0.5/1

1/2

14

6

6

Uno

ATmega328P

32

1

2

14

6

6

Mega

ATmega1280

128

4

8

54

14

16

Mega2560

ATmega2560

256

4

8

54

14

16

Fio

ATmega328P

32

1

2

14

6

8

Nano

ATmega168 ou ATmega328

16/32

0.5/1

1/2

14

6

8

LilyPad

ATmega168V ou ATmega328V

16

0.5

1

14

6

6

A placa possui portas que varia a quantidade pelo modelo escolhido, e estas portas podem ser de entrada ou saída:
Digital: Seguindo a premissa da eletrônica digital nota verdadeiro ou 1 ou +5v; falso ou 0 ou 0v. Pode ser utlizado para acender LED(saída) ou com uma chave(entrada). Além que algumas portas digitais são PWM, comunicação e interrupção externa.
Analógica: Sendo somente de entrada essas portas consegue verificar 1024 valor diferentes.

Software

Como um microcontrolador descente há a necessidade de programar o mesmo para execução de rotinas. O Arduíno tem o Arduíno IDE feito em Java, ou seja, multiplataforma e com funcionalidades como o highlighting, identação, etc.
O microcontrolador é programado com C e C++ e a IDE utiliza uma biblioteca chamada Wiring. Por padrão é necessário definir duas funções:
-setup: É executada uma vez inicializa as configurações
-loop: É executada constantemente até o desligamento da placa.
Um projeto simples que é encontrado na página do Arduíno tem o esquema elétrico e código para construir o pisca-pisca com LED.
/*
Blink
Turns on an LED on for one second, then off for one second, repeatedly.

This example code is in the public domain.
*/

void setup() {
// initialize the digital pin as an output.
// Pin 13 has an LED connected on most Arduino boards:
pinMode(13, OUTPUT);
}

void loop() {
digitalWrite(13, HIGH); // set the LED on
delay(1000); // wait for a second
digitalWrite(13, LOW); // set the LED off
delay(1000); // wait for a second
}

Começar

É necessário montar ou adquirir a placa. Para montar, a página do Arduíno fornece o esquema da placa e existem muitos tutoriais . Para comprar a placa pronta a página do Arduíno mostrar os fornecedores oficiais de cada país, outra alternativa é compra no Ebay ou mercado livre . Depois de adquirir a placa precisa montar o ambiente de desenvolvimento .

Conclusão

Arduíno demonstra-se ser um projeto que tem muito fôlego e pontecial com os seus shields pode-se ganhar uma produção e preocupar-se realmente com objetivo do projeto.

Technorati : , , , , , , ,
Del.icio.us : , , , , , , ,
Zooomr : , , , , , , ,
Flickr : , , , , , , ,

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: